Big Data no RH

Views:7091

O Big Data pode ser uma ferramenta importantíssima para seu RH

 

Você já deve estar cansado de ouvir falar sobre o Big Data e todas as implicações causadas pelo seu estudo em diversas áreas profissionais, principalmente sob a ótica do comércio de serviços e aspectos comportamentais da nossa sociedade hiper conectada.

 

E embora seja visto muitas vezes como um tema complexo, de difícil absorção, trata-se, na verdade, de uma ferramenta importantíssima para o setor de recursos humanos atual. Afinal, coletar e analisar dados sobre colaboradores e o seu impacto no desenvolvimento dos negócios é uma atribuição primordial do RH nesse século, e basear esse processo contando com o maior número de informações possíveis oferece resultados muito mais precisos e valiosos.

 

Capacidade de interpretação e confrontação

 

Uma pessoa específica se destacou mais do que seus colegas no último trimestre: por quê? Quais aspectos da empresa mostraram evolução após o treinamento realizado com as equipes? Por que algumas lideranças têm resultados superiores a outras? Onde está o pulo do gato dos melhores profissionais do time? São justamente estas e outras questões que o Big Data tem o poder de responder.

 

Além disso, ele permite a ampliação da compreensão sobre o funcionamento da empresa, auxiliando no processo de aperfeiçoamento da execução de rotinas, na seleção de novos talentos, no treinamento de equipes e na avaliação de cada setor, desenhando um cenário que reflita perfeitamente o estado atual dos negócios e traga um novo ponto de partida para torna-lo mais eficiente.

 

De nada adianta, porém, ter acesso aos dados e não saber fazer a leitura mais adequada sobre eles. Reside aí uma das grandes atribuições do gestor de RH moderno: ser um bom intérprete das informações coletadas e, de preferência, contar com tecnologias de coleta e compilação de dados, além de uma equipe de analistas capaz de compreender a alma do negócio, gerenciar grandes quantidades de dados e organizar estatísticas de desempenho.

 

Com todos estes insumos em mãos, esse time também deve ter liberdade para questionar e, por vezes, confrontar as metodologias de trabalho implantadas pelas lideranças das áreas que apresentarem resultados abaixo do esperado, apontando possíveis correções de rotas visando a melhoria dos resultados e, especialmente, a satisfação dos colaboradores. Afinal, manter e valorizar talentos também é uma responsabilidade do departamento de RH.

 

Uma nova abordagem para seu RH

 

Os insights oferecidos pelo Big Data são tão contundentes que podem transformar completamente as empresas.

 

Muitas vezes, as bases dos negócios estão sedimentadas sobre as crenças de seus fundadores, sem necessariamente haver uma conexão profunda com a maneira como o mercado se apropria dela. Cabe também ao RH avaliar a enorme quantidade de informações a sua disposição e projetar quais mudanças nos pilares que sustentam o negócio poderiam ser colocadas em prática.

 

Obviamente, este seria um processo muito mais delicado e árduo, pois envolve o cerne da empresa, e, em muitos casos, mexer ali é o mesmo que invadir a alma de seus criadores. Porém, essa é uma atitude que pode representar a diferença entre o sucesso e o fracasso.

 

E você? Já teve alguma experiência com Big Data nos seus negócios? Foi benéfico? Conte-nos nos comentários!

 

 

 

Deixe um comentário


Experimente já!

NOSSA CRENÇA

Acreditamos que o RH pode contribuir estrategicamente para melhorar os resultados da empresa. Mas, para isso acontecer, é preciso eliminar a burocracia (automatizando a gestão da informação) e aumentar os esforços para garantir o encaixe perfeito entre os objetivos da empresa e as pessoas que devem executar o negócio. É aí que se encontra o papel estratégico do RH: identificar e desenvolver talentos, avaliando performance e construindo equipes competitivas e motivadas.

Em nosso blog

contato

Rua Estados Unidos, 242

01427-000 - São Paulo -Brasil

+55 11 3042 9919

contato@meuplanoa.com.br

planoA no LinkedIn

planoA no Facebook