Vamos falar sobre salários?

Views:11076

Abrir_salarios.jpg

Alguns motivos para abrir os salarios de sua empresa

 

A maioria das empresas procura manter as informações sobre os salários pagos a seus colaboradores guardadas a sete chaves. O que não percebem, porém, são as oportunidades que uma política mais transparente pode oferecer. Duvida? Então confira algumas informações que podem fazê-lo mudar de ideia.

 

1. Performance e compensação

Não oferecer ao colaborador a sensação de recompensa pelo seu trabalho é um grande equívoco, e este é um dos principais problemas causados por uma política de salários pouco transparente. Dúvidas como ‘vale a pena estar aqui?’ e ‘ganho bem o bastante para minhas funções?’, ou ainda ‘quanto eu ganharia com uma promoção?’ não são as melhores maneiras de manter as pessoas motivadas. Estas dúvidas geram insegurança, o que não favorece a tomada de decisões da parte mais essencial de qualquer negócio: o recurso humano.

 

2. Guerra de especulações

Uma das consequências mais evidentes da falta de transparência sobre a política salarial das empresas são as especulações. Assim como no caso do funcionário que questiona se os seus vencimentos são justos, o desconhecimento sobre os ganhos de seus superiores e outros colegas do mesmo nível hierárquico permite brechas para especulações e boatos. Ao avaliar o funcionamento das equipes de trabalho, facilmente é possível observar que situações assim são grandes catalisadoras de conflitos e insatisfação, além de trazerem queda na produtividade e a possibilidade da perda de profissionais qualificados para outros negócios.

 

3. Aumento da confiança

O fim do sigilo sobre os salários costuma ser a prova de que uma empresa não tem nada a esconder de seus funcionários, o que gera um efeito positivo imediato. Dele, estreitam-se também os laços de confiança, o que refletirá em um aumento no comprometimento das pessoas e em um trabalho em equipe mais eficiente.

 

4. Autorregulação

Com a informação aberta sobre salários, automaticamente as pessoas farão avaliações sobre os valores e terão a oportunidade de discutir ajustes, ou compreender mais profundamente a distinção salarial em função de cargos e competências. Nessa circunstância, prevalecerá o senso de justiça intrínseco a esta autorregulação, o que influenciará o aspecto da confiança mencionado anteriormente. Junto disso, porém, cabe à empresa oferecer justificativas bem construídas que expliquem cada uma das diferenças entre os valores pagos declarados, ou a percepção positiva sobre a medida poderá se perder nas entrelinhas.

 

5. Retenção de talentos

A união de todos os fatos citados anteriormente se reflete em um aspecto fundamental para qualquer negócio: a retenção de seus recursos humanos mais talentosos. A certeza de que se está sendo remunerado de forma adequada unido a percepção de que há vantagens reais emseguir progredindo dentro da empresa são fatores que seguramente motivarão a permanência de pessoas qualificadas, favorecendo aeficiência do negócio e a gestão de seus recursos.

 

 

Você possui alguma experiência de trabalho com empresas transparentes sobre seus salários? É dono de um negócio que utiliza este modelo de gestão? Então conte mais para a gente nos comentários!

 

 

Imagem: Photl.com 

Deixe um comentário


Experimente já!

NOSSA CRENÇA

Acreditamos que o RH pode contribuir estrategicamente para melhorar os resultados da empresa. Mas, para isso acontecer, é preciso eliminar a burocracia (automatizando a gestão da informação) e aumentar os esforços para garantir o encaixe perfeito entre os objetivos da empresa e as pessoas que devem executar o negócio. É aí que se encontra o papel estratégico do RH: identificar e desenvolver talentos, avaliando performance e construindo equipes competitivas e motivadas.

Em nosso blog

contato

Rua Estados Unidos, 242

01427-000 - São Paulo -Brasil

+55 11 3042 9919

contato@meuplanoa.com.br

planoA no LinkedIn

planoA no Facebook